8 Encontros Musicais Inesquecíveis

Bruce Springsteen, Eddie Vedder ao vivo
Foto: Consequence of Sound

Todo músico - seja ele artista solo ou banda - em algum momento gosta de dividir o palco com algum colega, seja por jogada de marketing ou por pura diversão. Muitas vezes, o resultado dessas participações especiais são encontros musicais inesquecíveis. Separei alguns desses momentos e os listei abaixo. Eu sei que muita coisa boa ficou de fora, por isso essa é uma lista pessoal e não existe uma ordem de preferência entre as dicas que deixei nela, encare apenas como recomendações musicais pra deixar o seu começo de semana mais divertido.

Bruce Spingsteen - Highway to Hell


Bruce Springsteen é dono de um "senhor carisma" e possui muitas participações especiais em seus shows que nunca são menos do que divertidas, mas a que escolhi para recomendar hoje traz Eddie Vedder (Pearl Jam) e Tom Morello (Rage Against The Machine) dividindo o palco com Bruce para executar um dos clássicos do AC/DC. O Show aconteceu em 2014 em Melbourne, na Austrália.


Roger Waters - Confortably Numb


Mesmo após o desentendimento histórico entre Roger Waters e os demais integrante de sua ex-banda (Pink Floyd) ainda é possível assistir momentos como esse onde David Gilmour - que junto com seus colegas venceu a disputa judicial contra Waters pelo direito de usar o nome da banda - se junta a seu ex-colega para executar um dos grandes clássicos do Pink Floyd. Não sei o que ocasionou essa reunião mas eu apostaria na frieza dos negócios.


Zakk Wylde - Voddoo Child


Na celebração do centésimo aniversário da Gibson - uma das maiores marcas de guitarra de mundo - que aconteceu em 1994 em Nashville (EUA), Zakk Wylde (Black Label Society, ex-Ozzy Osbourne) recebeu Slash (ex-Guns'n Roses) e juntos tocaram uma das obras-primas do rock n'roll que foi apresentada ao mundo pelo lendário Jimi Hendrix.


U2 - When Loves Comes to Town


Rattle and Hum é um documentário/show lançado em 1988 que acompanhou uma turnê do U2 entre 87 e 88. Nele é possível encontrar alguma pérolas, entre elas o encontro do U2 com B. B. King que acabou resultando em uma música espetacular.


Foo Fighters - Rock And Roll


Em 2008 o Foo Fighters achou que seria uma boa ideia convidar para uma participação especial em seu show no estádio Wembley (Inglaterra) os veteranos John Paul Jones e Jimmy Page, respectivamente o baixista e guitarrista do lendário Led Zeppelin. Um das músicas executadas pela união é a minha favorita do Led: Rock And Roll.


Pearl Jam - Rockin in The Free World


O Pearl Jam volta e meia inclui em seus shows a música Rockin In The Free World, do Neil Young e já até tiveram a oportunidade de tocá-la ao vivo com o próprio em algumas ocasiões, mas foi em 2011, em um show em Toronto, quando a música se aproximava do final o senhor Young resolveu surpreender a platéia e a própria banda com uma invasão do palco em posse de sua guitarra e o que ocorreu foi uma jam session divertida entre a banda e um de seus mentores.


Mark Knopfler - Money For Nothing


Agora trago uma música de um dos shows mais icônicos da história da música. A Ilha de Montserrat abrigou vários músicos de renome mundial para gravações em um estúdio local mas na década de 90 um vulcão inativo há 400 anos causou uma catástrofe na região. Os músicos, em choque com a notícia, se reuniram e organizaram o show beneficente Music For Montserrat que tinha como objetivo levantar fundos na reconstrução da ilha. O show inteiro conta com encontros históricos mas a minha escolha para representá-lo nessa lista traz Mark Knopfler executando um dos clássicos de sua banda (Dire Straits) ao lado de seu co-autor Sting bem como dos igualmente lendários Eric Clapton e Phil Collins. 


Joe Cocker - With A Little Help From My Friends


Em 2002 aconteceu algo parecido na Inglaterra. Não me refiro a um vulcão em erupção e sim a um encontro histórico entre grandes nomes da música. Dessa vez o show foi Party At The Palace que ocorreu em comemoração ao jubileu de ouro da rainha Elizabeth II e como o próprio nome sugere, o show foi realizado no palácio de Buckinghan. Esse vídeo vai te deixar com mais saudades do Joe Cocker do que você já estava pois o próprio assumiu o microfone ao lado do que sobrou do Queen com o sr. Phil Collins outra vez na bateria para executar uma música dos Beatles que ganhou uma roupagem ainda mais interessante na voz inconfundível de Joe Cocker. Termino esse post recomendando uma performance ao vivo da eterna música de abertura do seriado Anos Incríveis.



Veja Também

Nenhum comentário:

Postar um comentário